Passarelli Engenharia e Construção

Passarelli Engenharia e Construção Clique para abri o menu Clique para fechar o menu Voltar Próximo Facebook LinkedIn Instagram Edificações - Área de Atuação Passarelli Imobiliário - Área de Atuação Passarelli Infraestrutura - Área de Atuação Passarelli Certificações Passarelli Obras Passarelli Prêmios Passarelli Shield no Brasil

Fique por dentro

Confira as novidades do setor de construção.

Aqui você confere as principais novidades da Passarelli e do setor de construção. Confira!

Passarelli integra mais um Consórcio do Programa de Despoluição do Rio Pinheiros

Infraestrutura

Passarelli integra mais um Consórcio do Programa de Despoluição do Rio Pinheiros

Além de liderar o Consórcio Performance Sul, a Passarelli também integra o Consórcio Rio DBO Alto Pirajuçara, que será responsável pela execução das obras para redução de lançamento de esgoto residencial no Córrego Pirajuçara – também parte do Programa Novo Pinheiros. Segundo dados da Sabesp, na bacia do Alto Pirajuçara são gerados efluentes por quase 147 mil economias. Hoje, aproximadamente 77% (112.966 economias) são coletados, mas apenas 7.794 economias (6,9%) vão para tratamento, ou seja, 93,1% são lançados diretamente nos córregos. Quase 34 mil economias não são sequer coletadas e, desse total, o contrato exige que pelo menos 17.662 economias sofram intervenções diretas por meio de novas ligações domiciliares, além da construção de novas redes de esgoto para que possam encaminhar os dejetos para os coletores existentes e para os novos a serem criados.

A meta deste contrato será a de destinar, em 24 meses, pelo menos 105.832 economias para o tratamento adequado, através de obras estruturantes (extensos coletores e várias interligações) e obras de ligações domiciliares e redes de esgoto para um grande número de residências. A outra meta do contrato é a da redução da Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO). Após a conclusão das obras e do processo de coleta e destinação do esgoto para tratamento, o DBO a ser apurado, deverá ser menor que 75 miligramas por litro, o que está diretamente relacionado à melhora da qualidade das águas do Rio Pinheiros. 

Serão executados 27.496 metros de coletores-tronco e interligações, 9.152 metros de redes de esgoto, 12.789 ligações de esgoto (domiciliares/avulsas) e 202 interligações no sistema existente. Além disso, serão instalados medidores para monitoramento geral de performance e as novas conexões serão cadastradas e as clandestinas regularizadas. O consórcio ainda será responsável por ações socioambientais de conscientização da população local sobre a importância das obras de saneamento.

 Essas obras não só ajudarão na despoluição do Rio Pinheiros, mas também contribuirão para a melhoria do saneamento básico e saúde da população das regiões periféricas de São Paulo.